sábado, 31 de janeiro de 2015

TV. Programa de humor satiriza o 'Must' do Walney Haidar



Pontos para o 'Só de H' que, na edição deste sábado, criou uma sátira ao programa 'Must'. É o quadro 'Bost', onde o Walney Jabá frequenta o udigrudi da periferia, entrevistando figuras que não estão 'bombando' no original. Isso 'rai dar' o que falar!

JORNAIS. Embora ela seja um avião, mas nunca 'pousará'


sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

CULTURA. Novo secretário abre debate com artistas



Gosto da maneira como o novo secretário da Cultura do Estado do Ceará, Guilherme Sampaio, trabalha. Ele está arregimentando artistas, produtores, técnicos, gestores, educadores, formuladores e articuladores do setor cultural para o encontro “Diálogos Culturais - 1º Ato”, que acontece na segunda-feira, 2/2, no Crato (na Escola Profissional Violeta Arraes, no bairro São Miguel) e na quarta-feira, 4/2, em Fortaleza, na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. 

 DIÁLOGOS CULTURAIS – 1º ATO 
• Segunda-feira, 2/2, 17h – Crato (Escola Profissional Violeta Arraes, São Miguel). • Quarta-feira, 4/2, 17h – Fortaleza (Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Rua Dragão do Mar, 81, Praia de Iracema). Informações: Secretaria da Cultura do Estado do Ceará – Secult - (85) 3101-6759 / (85) 9181-3595 / 8543-7826

Saiba mais: http://bit.ly/1ydILK4

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

CINEMA. Um jeito curioso de aprender e praticar inglês


Quer praticar e aperfeiçoar o seu inglês? Nada melhor do que ouvir a pronúncia de diferentes atores. 

Filmes famosos como 'Jornada nas Estrelas' (Star Trek), 'Clube de Luta' (The Fight Club) e 'Pulp Fiction', são algumas das fontes que essa ferramenta curiosa utiliza e você pode até digitar a palavra que desejar no PlayPhrase.me . 

Uma dica pra lá de imperdível!

TV. Empresa proíbe expressões com medo de terrrorismo



Sabe a Al Jazeera, aquela rede árabe de comunicação? A política editorial da empresa estabeleceu em memorando a todo o pessoal a restrição do uso de algumas expressões. Carlos Van Meek distribuiu terça-feira um memorando, proibind o uso de 'extremistas' e 'islâmica'. Os jornalistas podem até usar 'terrorista'', mas jamais de forma a adjetivá-lo com 'islâmico'. 'Militante' pode; mas é a mais indicada é trocar essa palavra por 'guerrilheiro'. Medo. Do Estado Islâmico.

Via Poynter

LIBERDADE DE EXPRESSÃO. Maomé ainda causa reboliço


Maomé e seus seguidores continuam dando o que falar. Agora foi com o editor da revista Urdu, na Índia, Shireen Dalvi. Ele foi preso por várias horas ontem autorizar a impressão de uma caricatura do profeta Maomé do semanário Charlie Hebdo , que foi atacado no dia 7 de janeiro passado , deixando 12 mortos.
O jornal reproduziu a charge em honra da revista satírica, que perdeu dez dos seus cartunistas e jornalistas.

TV. Canal cearense Diário inicia testes com resolução HD


A TV Diário, do Grupo Edson Queiroz, iniciou uma série de testes para integrar seu sinal à resolução HD. A pretensão dos dirigentes da emissora é de que isso aconteça nos próximos meses. 

Ela permite que a imagem seja exibida em 1.280 colunas de pixels e 720 linhas, resultando em quase 1 milhão de pontos para formar as imagens.


RÁDIO. Aumenta o número dos que optam pelo jornalismo



A preferência do público pelo rádio informativo começa a ganhar projeção. É o que revela enquete feita pelo site tudorádio.com, onde fica clara a intenção dos ouvintes pelo rádio musical (61%) e os que manifestam interesse pelo segmento jornalístico (38% - considerando-se notícias, esporte e os que gostam de todos os estilos). 

RÁDIO. Esqueceram de dizer ao João que Cássia morreu


Ouvintes da Verdes Mares é que me contaram essa: João Inácio Júnior trocou as bolas ao anunciar o sorteio de ingressos para o documentário sobre Cássia Eller. Ao invés de falar que era um filme, o apresentador fez o anúncio de que os convites eram para o show da cantora em Fortaleza. Regininha, a colega de bancada no programa de rádio, salvou João fazendo o devido conserto. Cássia Eller não mora mais aqui, Joãozim. 

RÁDIO. Rede Band faz campanha para economizar água


A falta de chuva e os baixos níveis dos reservatórios são preocupação em todo o País. São Paulo e Belo Horizonte vão iniciar racionamentos. Por aqui, a estiagem provocará cancelamento de carnaval com gastos oficiais. Até que ponto o rádio pode ajudar a população a se conscientizar sobre isso?

O exemplo vem do sul, segundo leio no site tudorádio.com. As rádios Bandeirantes AM 840 FM 90.9, BandNews FM 96.9, SulAmérica Trâsnsito FM 92.1, Band FM 96.1, Nativa FM 95.3 e Bradesco Esportes FM 94.1 de São Paulo deram início à campanha “Manual de Sobrevivência”, que exibirá durante a programação dicas e práticas desenvolvidas pelos ouvintes para driblar a falta de água e luz na Grande São Paulo. Com a assinatura “A nossa parte a gente faz”, as emissoras levarão especialistas em água e energia à casa de ouvintes, para eles explicarem medidas práticas de economia para o dia a dia. 

A campanha visa mostrar o engajamento da população, dividir as experiências entre os ouvintes e dar voz a especialistas para amenizar a atual situação da falta recorrente de luz e água. De acordo com a editora-executiva da Rádio Bandeirantes, Thays Freitas, o rádio vai mostrar, mais vez, sua vocação de prestador de serviços na ajuda aos ouvintes em momentos delicados. “Hoje em dia, o rádio consegue potencializar e filtrar as informações que nos são passadas pelas redes sociais, levando este conteúdo ao público. Mais uma vez, as rádios se aproximam do ouvinte levando a ele uma informação que vai refletir na sua vida cotidiana”, disse. 

Âncora da BandNews FM, Eduardo Barão acrescenta. “Estar ao lado e dar voz ao ouvinte é uma das principais marcas da BandNews FM. E, claro, ouvindo quem vive na cidade nós estamos trazendo informação de utilidade pública. As dicas compartilhadas entre ouvintes reforçam também o caráter social da rádio, afinal nosso trabalho não é apenas identificar e noticiar falhas, mas também apontar soluções e possíveis melhorias”.

WEB. Site da Clube precisa urgentemente ser atualizado


Volto a falar da Super Clube, a pioneira PRE-9, para cobrar do seu pessoal a atualização do site da emissora. Na 'listnews' da homepage tem informações dos resultados das eleições em seu primeiro turno, mescladas com informes mais recentes - ainda assim com atraso de mais de uma semana. 

RÁDIO. Afinal, para onde vai a Super Clube: Globo ou não?


Tem leitor perguntando de onde procede a informação de que a Globo (Rio) seria transmitida pela Ceará Rádio Clube em Fortaleza.  Foi o jornalista Roberto Moreira quem divulgou, semana passada, a possível mudança.

O leitor Raimundo Moura  diz ter consultado o site tudoradio.com e lhe informaram que a Globo nega a informação.

Outro leitor do GENTE DE MÍDIA, Sandro Moreira, escreveu nos comentários que "o Grupo Hapvida comprou todas as emissoras de rádio, jornal e TV dos Diários Associads no Nordeste". 

Diante de tantas versões diferentes, que o pessoal da própria Ceará Rádio Clube se manifeste e possa confirmar ou desmentir essa história. 

CHARGES. 'Beijo' entre diretores de futebol causa fúria




Jogadores se beijando não é normal no futebol. Diretores, pior ainda. Mas o chargista paulistano Diogo Salles retratou os presidentes do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, e do Palmeiras, Paulo Nobre, trocando um beijo, em pose que lembra - e homenageia - a charge do satírico Charlie Hebdo. A publicação francesa, todo mundo sabe o que sofreu. Aqui, causou o maior furor.

Publicada no SPFCharges, que Diogo publica no ESPN FC, a charge mexe com um dos tabus brasileiros, a homossexualidade e provocou reações. Houve um ataque pela internet dos torcedores do Palmeiras. O autor sofreu ameças e pedidos para que não mexesse com isso.  

Liberdade de expressão, evidentemente, tem limites.

TV. Queima de programas da grade de emissoras do Ceará


E o ano novo televisivo promete (mais) mudanças na televisão cearense. Depois do 'tevemoto' (alusão ao terremoto na tv que ocorreu na TV Diário de Fortaleza, com o corte de pessoal e de vários programas), tem emissora preparando-se para lançar o seu 'pacote de maldades'. Isso significa supressão de programas que estão na grade e que serão retirados do ar. Há quem suspeite em dispensa de pessoal. 

Quem hoje está no ar, pode muito bem entrar no 'queima' da liquidação. Quem viver, verá!


NOMES. Morre no Rio a atriz Vanja Orico de 'Lampião'


Depois de Maria Della Costa, agora foi a vez da atriz e cineasta Vanja Orico que morreu nesta quarta-feira, aos 85, no Rio. 

Vanja ganhou projeção entre os anos 1950 e 1970 em filmes como "Lampião, O Rei do Cangaço" (1965) e "Jesuíno Brilhante, o Cangaceiro" (1972), longas do movimento Ciclo do Cangaço, do qual era considerada musa. 

Ela também atuou no longa "Mulheres e Luzes" (1950), dos italianos Federico Fellini e Alberto Lattuada.

REDES SOCIAIS. Inês Aparecida fala sobre a TVC em 2015



quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

LEITURAS. A CIA utilizaria música-chiclete como tortura



tortura1

Você deve viver por conta com algumas músicas que pregam na nossa cabeça e nos deixam perturbados. Pois, agora, tomamos conhecimento de que o pessoal da CIA, nos EUA, usa esse tipo de 'tortura' nos interrogatórios em suas unidades prisionais. 

"De acordo com uma nota de rodapé em um memorando de um programa de interrogatórios dos EUA de 2005, a CIA mantém “condições de detenção” em cada uma de suas unidades prisionais, onde os detidos são sujeitos a “ruído branco/sons altos (que não excedam 79 decibéis)” durante interrogatórios", narra o jornalista Brian Anderson no artigo 'Entenda Como a Tortura Sonora Machuca'. 

Prestenção: na lista da CIA estão sessões de 'tortura musical' que utilizam sucessos como “Born in the USA” de Bruce Springsteen a “Diirty” de ChristinaAguilera a “I Love You” de Barney, o Dinossauro, “Fuck Your God” do Deicide, “Enter Sandman” do Metallica, “Babylon” de David Gray, “We Are the Champions” do Queen, “Killing in the Name Of” do Rage Against the Machine e também músicas de Meat Loaf, Aerosmith, AC/DC, Marilyn Manson Drowning Pool, 2Pac, Dr. Dre, Eminem, Britney Spears, e Matchbox 20. Por aqui, que tipo de chiclete-musica vive a nos torturar?

(Via Motherboard)

LOGO. Firefox usa estratégia conceitual do 'doodles'



terça-feira, 27 de janeiro de 2015

BBB 2015. Chato no Zorra, Rodrigo Santana piora com Bial



RÁDIO. Leitor quer saber quando a Globo volta ao dial



Leitor escreve: Olá Nonato, você sabe quando é que a Rádio Globo de SP vai entrar para o mercado de Fortaleza? Eu já esperava há algum tempo por esta mudança no dial. Em Recife, os Diários Associados já tinham alugado o espaço da tradicional Rádio Clube, aquela com o som potente em todo o nordeste e era questão de tempo chegar aqui. Soube estes dias que o grupo HapVida comprou uma parte das ações das emissoras criadas por Assis Chateaubriand. Será que existe alguma coisa a ver com a chegada da Rádio Globo em Fortaleza? Eu gostaria de que você, caro amigo, respondesse as minhas dúvidas. Deixo um grande abraço a ti. Sou Tito Gonçalves e moro no bairro Aldeota. 

FALANDO NISSO

Eu já soube por terceiros da possibilidade de a Clube integrar a rede Globo de rádio. Fico à espera de que os companheiros da velha PRE-9 nos dêem mais dicas. 

MARKETING. Onde o leite de vaca é melhor que o materno



Qual é o melhor leite: o materno ou o da vaca? Para a marca alemã de leite Plain Milch, não há comparações. E a empresa lançou uma campanha de publicidade que está criando a maior polêmica, a ponto de se tornar um fenômeno viral no país. 

O clipe dura apenas um minuto, mas o bastante para desagradar as mães que amamentam seus filhos, considerando a mensagem rude e deasagradável, por degradar a figura da mulher que se presta a um desserviço ao aleitamento materno. .

Resumo da ópera: uma mãe de aspecto virginal amamenta a seu filho em um banco, composto por um cenário que nos remete a algo celestial e divino. 

Entretanto, depois de alguns segundos, tudo muda. A criança começa a chorar de forma inconsolável porque a mãe parou de dar leite. Qual é a razão? A mãe, na verdade, é um robô e precisa ser recarregada, como se fosse uma máquina de café. 

Em seguida, um homem entra em cena e recarrega a mãe-robô com uma lata de leite. Pronto. Uma luz ilumina o rosto do bebê, que imediatamente volta a sorrir e a mamar. E como se isso não bastasse, no final do anúncio uma bela jovem bebe o leite e pronuncia “Mu”, deixando claro que o leite de vaca é melhor que o materno.

O QUE ROLA NA REDE. Roberto Carlos fala hoje na RedeTV


Rei 1 Um disco em espanhol com convidados e uma autobiografia estão nos planos de Roberto Carlos, segundo entrevista do cantor a Amaury Jr., no programa desta terça-feira (27), na RedeTV!.

Rei 2 Roberto ainda falou sobre sua dieta, namoro, mas fugiu de questões relacionadas ao seu contrato publicitário com a Friboi e ao corte de cenas do filme sobre Tim Maia, na Globo, que incluíam uma briga entre eles.

(Outro Canal-Folha de SP)

FALANDO NISSO 

Danilo Patrício escreveu: Nonato, Roberto Carlos bom mesmo comemorará seus 70 anos no domingo de carnaval, participando, como faz todo ano, do Bloco Sanatório Geral, 10h, na Praça da Gentilândia (em frente à Residência Universitária). Mais do que "cover", trata-se do Sílvio Mendes, que mora no bairro, ali pertinho do Tom Barros. Adora Tim Maia e não aprecia 'friboi', preferindo os quitutes da padaria do Seu Cleiton (o Bloco deve trazer uma música sobre a trajetória desse Rei, sem trairagem). 

Outro homenageado (In Memorian) será o músico Zezinho do Sax, presente na formação inicial do Sanatório, que virou estrela em 2014. 

O Bloco também trabalhará as músicas do vinil "O outro lado desse lado de cá", com músicas autorais de compositores diversos, coordenado musicalmente pelo Alan Morais. 

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

NOTAS SOLTAS

.
1. A transmissão do concurso Miss Universo 2015 pela Band chegou a ficar na vice-liderança durante boa parte, atrás apenas da Globo. O evento foi apresentado por Luiz Bacci e Renata Fan. 

2. Tina Holanda, da Assunção, em ponto de bala para reassumir a atividade radiofônica. Ela deve voltar na próxima segunda feira ao batente. Não se cansa de elogiar a equipe do Hospital Geral de Fortaleza.   

3. A Ceará Rádio Clube, segundo nos informa o leitor Raimundo Moura, passará a transmitir a programação da Rádio Globo do Rio.

4. Internautas do blog CoreauSiará nos enviam
comentários do que dizem ser "um escorregão do Eliomar de Lima", que imagino seja a referência do jornalista em identificar a charge de O Povo como sendo de Carlus. Na verdade, é do Carlus, mesmo. Durante as férias do Clayton, é ele o substituto-mor. 

JORNALISMO. O Povo abre inscrições para os novos talentos


O Povo está arregimentando pessoal para o curso Novos Talentos. Começa em abril e vai até julho.

Galera que está cursando Jornalismo pode concorrer até o dia 20 de fevereiro inscrevendo-se no site www.opovo.com.br/novostalentos

Quem pode integrar a equie dos Novos Talentos são alunos que estejam a partir do 4º semestre em faculdades localizadas em Fortaleza. No decorrer dos três meses do curso, os estudantes têm aulas de Português, Redação e Apuração Jornalísticas, e treinamento prático nas editorias dos veículos do Grupo de Comunicação O POVO: jornal, rádio, portal e TV. 

domingo, 25 de janeiro de 2015

MISS UNIVERSO. Cearense não perde a chance de fazer piada


PLÁGIO. Cantora denuncia o uso indevido do termo 'tombar'



Há uma pá de tempo que eu navego na página da cantora cearense Karine Alexandrino, onde ela criou o conceito de 'mulher tombada'. Pois agora, uma artista de Curitiba passou a usar a expressão e - como era de se esperar - a nossa maravilhosa KA não vai deixar por menos. Vai cobrar na Justiça os direitos de autoria. 

Leia a matéria completa no Tribuna do Ceará.

RÁDIO. Abidoral de O Povo, a exemplo de Ringo, não perdoa



JORNALISMO. Leitura indicada para os profissionais da área


“O fim do jornal é uma das coisas mais previsíveis do nosso futuro. Os únicos que ainda não sabem disso são os jornalistas”. Assim o político e empresário editorial italiano Gianroberto Casaleggio iniciou uma palestra em novembro de 2014 sobre o futuro da imprensa, aniquilada pelo chamado “robot journalism”. Em breve os jornalistas serão substituídos por “bots”, softwares capazes de escrever artigos jornalísticos com rapidez e talvez até com mais exatidão do que os profissionais de carne e osso.
Vários jornais, sobretudo as publicações online, já abordaram o tema em artigos e reportagens, em geral em tom alarmista. Títulos como “Robôs roubam o trabalho de jornalistas” ou “O caminho da morte do jornalismo” são bons para conseguir cliques, mas os textos acabam oferecendo análises superficiais. Muitas são as implicações que este fenômeno poderia ter para os profissionais e também para as pessoas que buscam informação na internet.
No fundo, “o ‘robot journalism’ é o novo nome de um problema debatido desde os anos 1990, quando surgiu o Daily Me, um jornal virtual personalizado”, lembra Stefano Epifani, professor de gerenciamento de mídias sociais na Universidade La Sapienza, em Roma. Seria apenas a versão 2.0 do secular debate sobre a relação entre o ser humano e as máquinas.
Texto compilado do Opera Mundi

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

ARTE. Site levanta casos de blasfêmia anteriores ao Charlie


Bem antes dos chargistas do Charlie Hebdo lançarem trabalhos considerados agressivos ao chamado sagrado islã, artistas do passado já faziam arte (no sentido de maldade, traquinagem) usando ícones das religiões.

O La Pedra de Sísifo, em 'Breve História da Blasfêmia na Arte', revela exemplos que chamam atenção: o Piss Christ é uma das obras mais conhecidas do artista Andres Serrano e mostra um crucifixo imerso na própria urina do artista. Algo degradante e que, provavelmente, não encontraria defensores da 'liberdade de expressão' entre os cristãos.

E a coisa é bem mais antiga. Albrecht Durher já descrevia o papa como anticristo em seus desenhos. O crucifixo de Dorota Nieznalska, de terrível mau gosto deve ter esgotado a paciência dos católicos. A obra de Eugênio Merino, mostrando três religiosos rezando (judeu, cristão e mulçumano) é lembrada e a peça de Mauricio Catellan, mostrando João Paulo II derrubado por um meteorito.